Educação Infantil 1

 

EXTRATO DO PLANO ANUAL 2018

EDUCAÇÃO INFANTIL I

PROFESSORAS: THALITA SIMÕES PINOTTI LARA e LIARA JULLIENE

 

Tema anual: Viajando pelo Sistema Solar

Tema específico: As Diferentes Linguagens

 

OBJETIVOS GERAIS

Desenvolver as noções acerca das linguagens e desenvolver o autoconhecimento. Trabalhar audição, visão, olfato, paladar e tato através de brincadeiras, músicas, sensações, atividades com sucata, artes, instrumentos musicais, vídeos, teatro, dança e literatura.

 

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Aguçar a curiosidade; identificar os sentidos por meio da linguagem; estimular as sensações; reconhecer e identificar os diferentes sons, cheiros, sabores, texturas e imagens; compreender as sensações; reconhecer os diferentes sentimentos; aguçar os sentidos e expressões.

 

FEVEREIRO – VOLTA ÀS AULAS

Nos primeiros dias de aula, o objetivo é desenvolver a adaptação da criança à escola, apresentando-a ao espaço físico, como parque, fazendinha, refeitório, ginásio, banheiro, sala de aula; e também a importância de saber quem são os profissionais e estudantes da escola, para que sua adaptação seja mais rápida e sem desgaste emocional.

 

A introdução da rotina é muito importante para que os estudantes possam se sentir acolhidos na escola. A despedida da família na chegada e o reencontro no final do dia, o momento do lanche, o parque e os diversos espaços utilizados para o desenvolvimento das atividades (fazendinha, embaixo das árvores, ginásio e outros) terão atenção especial no primeiro mês.

 

Durante esse período serão desenvolvidas atividades de linguagem com músicas, alimentos, imagens, brincadeiras e recortes. No primeiro momento, objetiva-se aguçar na criança noções básicas da importância dos sentidos, entre eles a linguagem.

 

MARÇO – MÚSICA

 

 

A música é a linguagem que organiza som e silêncio. A criança se conscientiza da linguagem musical se conseguir ouvir e diferenciar sons, ritmos e alturas, saber que um som pode ser grave ou agudo, curto ou longo, forte ou suave. Desenvolver a musicalidade e a expressão corporal na educação infantil é muito importante não só para trabalhar atividades que envolvam música e dança, mas também para o reconhecimento de seu corpo, de suas possibilidades e limitações espaciais, temporais e laterais. A dança desenvolve estímulos como:

- Tátil: sentir os movimentos e seus benefícios para o corpo.

- Visual: ver os movimentos e transformá-los em atos.

- Auditivo: ouvir a música e dominar o seu ritmo.

- Afetivo: emoções e sentimentos transpostos na coreografia.

- Cognitivo: raciocínio, ritmo, coordenação.

- Motor: esquema corporal, coordenação motora associada ao equilíbrio e à flexibilidade.

 

O mês também terá como atividade a construção da horta, com plantio de espinafre e abacaxi. O projeto contará com o apoio e intervenção do professor Nivaldo. Haverá horário semanal para desenvolvimento da atividade, que incluirá desde a limpeza da terra, plantação e colheita do espinafre. O projeto será desenvolvido durante todo o ano. Ainda em março, será abordada a passagem do verão para o outono e sua importância para o desenvolvimento das plantas e dos animais.

 

ABRIL – MUNDO DA IMAGINAÇÃO

Com uma caixa surpresa contendo diversas imagens e objetos, desenvolveremos a imaginação e a criatividade das crianças com encenações teatrais, histórias, desenhos e pinturas. A curiosidade é muito aguçada nas crianças e favorece a exploração de novas sensações. No mês, comemora-se o Dia do Índio e será desenvolvida uma reflexão sobre os valores culturais dos povos indígenas e a importância da preservação e do respeito a esses valores.

 

MAIO – AUTORRETRATO

Desenvolver desde cedo um universo cultural de qualidade favorece o desempenho intelectual da criança. Nesse mês, será realizada a releitura de diversos artistas plásticos que desenvolveram a técnica do autorretrato, entre eles Leonardo da Vinci, Pablo Picasso, Tarsila do Amaral, Anita Malfatti, Salvador Dali, Frida Kahlo, entre outros, e cada criança produzirá seu autorretrato.

Recursos utilizados: imagem, sucata, tinta, cola, lápis e papel picado.

Nessa atividade será também discutida a importância da reciclagem de materiais. Atividade integrada com a participação da professora Flávia.

 

 

 

JUNHO E JULHO – FESTA DAS COLHEITAS

No mês de junho é realizada a Festa Junina, que é a Festa das Colheitas, com comes, bebes e muita música e dança. Nesse mês, relataremos para os estudantes a importância da colheita dos alimentos, a importância de uma terra fértil, bem como a necessidade da chuva para a nossa sobrevivência e para dar boa qualidade aos alimentos.

 

Aproveitando o mês festivo, serão desenvolvidos diversos ritmos musicais e também a dança como expressão corporal, objetivando apresentar sons e danças regionais brasileiras de acordo com a faixa etária.

 

É chegada a hora de colher a plantação de espinafre da fazendinha. Será desenvolvido o processo desde a colheita do espinafre no canteiro até a produção de uma receita, passando por vários experimentos e formas de se ingerir o espinafre. Durante esse processo contaremos com o apoio da Céu da Boca Cozinha Pedagógica, que disponibilizará os materiais necessários.

 

Serão realizadas as seguintes atividades: rodas de músicas, execução de uma coreografia, descoberta dos sons da natureza e suas expressões, imitação dos sons dos bichos, criação de instrumento musical e culinárias típicas de Festa Junina.

 

Nesse período, será trabalhada a passagem do outono para o inverno e suas alterações nos meios animal, vegetal e social.

 

Recursos utilizados: rádio, instrumentos musicais, objetos que emitam sons, roupas variadas, utensílios de culinária.

 

AGOSTO – FOLCLORE

Leitura de contos folclóricos: “Boitatá”, “Saci-Pererê” e “Boto Cor-de-Rosa”. A atividade objetiva apresentar a cultura folclórica para as crianças e também desenvolver atividades como desenho, pintura, construções de personagens com material reciclado, encenações, músicas, brincadeiras e cirandas.

 

SETEMBRO – CÓDIGOS VISUAIS

Mês da mobilidade urbana. Explorar os diversos tipos de códigos visuais integrados ao nosso dia a dia, entre eles: sinais de trânsito, propagandas nas mídias, setor alimentício e de brinquedos. Mostrar as diferenças entre produtos com rótulos e sem rótulos, a questão do excesso das embalagens que consumimos e a importância da reciclagem.

 

 

Material utilizado: papel, placas, embalagens, lápis, entre outros.

 

OUTUBRO – CINEMA: A SÉTIMA ARTE

Trabalhar com as crianças a sétima arte. Como o cinema foi criado? Como se produz um filme? Qual a importância do filme? Apresentar Charlie Chaplin e sua obra sobre o “cinema mudo”. Trabalhar as linguagens corporais e mímicas. Exibir os filmes: “Carlitos em Apuros” e “Dois Heróis”.

 

NOVEMBRO E DEZEMBRO – MÊS DAS FAMÍLIAS

Plantação de sementes. Trabalhar a linguagem como expressão humana. É importante e necessário abordar de forma lúdica as expressões emocionais para que as crianças possam interagir e desenvolver a autoconfiança, assim como o respeito mútuo. Aprofundar esse tema possibilita a compreensão do autoconhecimento e contribui para a prevenção de eventuais conflitos ocasionados nessa faixa etária. Trabalhar a música indígena "Koi Txangaré" e o livro “Hora do Abraço” por meio de rodas de conversas, desenhos direcionados e atividades dirigidas.

Recursos utilizados: livro, rádio, colagem de papel, lápis e folhas.

 

ATIVIDADES FIXAS

O nosso tema, As Diferentes Linguagens, é bem amplo e facilita a participação das famílias com sugestões, tais como:

- Frutas das estações: envio de diferentes frutas da estação, caso as famílias tenham árvores frutíferas em casa.

- Literaturas: livros e histórias que tenham relação com o tema desenvolvido e que sejam do interesse das crianças.

- Artes: sugestões de pequenas biografias de artistas que possam colaborar com o tema; poesias, pinturas, artes plásticas, fotografia, instrumentos e brincadeiras que venham a somar para o desenvolvimento do estudante.

 

PROJETO INTEGRADO INFANTIS 1, 2 E 1º ANO

- Exploração de sucatas: nas segundas-feiras as crianças trazem embalagens, potes, caixas e recipientes de papel ou plásticos secos e limpos para serem explorados os tamanhos, formatos, classificação quanto ao tipo e material, os possíveis sons, texturas e cores. Os conceitos de reutilização e ressignificação de brinquedos também são explorados. Diversas atividades transformam a sucata e diversificam sua utilidade e o olhar dos estudantes.

- Artes e expressão corporal: busca o conhecimento e o desenvolvimento corporal, a experimentação de movimentos, o contato com os pares, as sensações do corpo. A atividade corporal como expressão dos sentimentos e do estado atual emocional dos estudantes. A dança, a arte, a respiração, o alongamento, o relaxamento e o aprendizado do controle corporal.

- Rodas de histórias e músicas: saber ouvir músicas, ritmos, sons e o silêncio. Partilhar culturas, artistas e diferentes estilos. Enriquecer e alegrar momentos coletivos cantando e expressando-se por meio do canto. Exploração de letras, histórias e ideias.

 

PROJETO INTEGRADO ENTRE INFANTIL 1, 1º ANO E  3º ANO

Produção e construção de cartas para serem enviadas e compartilhadas com outras escolas de Florianópolis, de outros estados e até outros países, na busca por novas experiências e conhecimentos de novas culturas, e trabalhar com os estudantes a importância da escrita à mão, que nos dias atuais, por conta dos meios eletrônicos, está meio esquecida.

 

ATIVIDADES INTEGRADAS COM

- A professora de Artes, na construção de uma releitura de obra de arte.

- O professor de Música, na construção de um instrumento musical.

- A professora do 3º Ano, na interpretação de História.

- O professor de Educação Física, com brincadeiras.

- A professora do 1º Ano, com plantio e cultivo de uma planta em potes dentro da sala e contos clássicos.

 

 

 

 

 

 

 

 

Please publish modules in offcanvas position.